A Tesla anunciou ter recebido 253 mil dólares em encomendas do seu novo modelo “popular”, apenas nas  primeiras 36 horas de reservas. Se todos aqueles que encomendaram o novo Model 3 da Tesla forem até ao fim no seu propósito de adquirir este carro eléctrico – grande esperança dessa construtora norte-americana nascida já no século XXI –, este concorrente do BMW Série 3 será uma máquina de fazer dinheiro. Nesse primeiro momento, um lucro de quase dez bilhões de dólares.

O Modelo 3 foi apresentado na sexta-feira pelo fundador da companhia, o sul-africano Elon Musk, criador também da SpaceX, empresa que prevê levar turistas ao espaço. O analista do Barclays Brian Johnson afirmou nesse dia, citado pela Reuters, que o ritmo de encomendas abre portas à recolha de fundos pela Tesla na bolsa de valores, capital que permitiria construir a ambiciosa fábrica de baterias e aumentar a aposta no desenvolvimento de produtos.

O modelo escolhido pela Tesla para as reservas do Model 3 não será alheio ao fluxo de interessados. Contra o pagamento de 1.000 dólares, os interessados fazem a sua reserva. Podem, contudo, desistir, sendo ressarcidos desse valor.

Se as 253 mil reservas se confirmarem em carros entregues aos clientes, significariam um lucro superior a 10 bilhões de dólares, considerando que o preço médio do Model 3 rondará, segundo o seu presidente, os 42 mil dólares, juntando o preço dos opcionais aos 35 mil dólares de preço base.

Fonte